Policiais flagram detento na cadeia pública de Quixadá furando buraco na parede da cela


Policiais flagraram um detento furando um buraco na parede de uma das celas da cadeia pública de Quixadá.

O episódio aconteceu nesta segunda-feira, 03, por volta das 20 horas. Policiais de serviço perceberam um barulho estranho, como o de alguém cavando um buraco na parede, que saía da cela próxima à cozinha da unidade.

Quatro viaturas foram acionadas para oferecer reforço operacional. No interior da cela, que comporta 14 detentos, foram encontrados três cossocos, e localizado na parede de acesso à cozinha um buraco de mais ou menos trinta centímetros de espessura e profundidade.

O detento Francisco Almir Rodrigues de Castro, que responde ao Art. 121 do Código Penal, assumiu sozinho a autoria do feito. Ele foi conduzido à Delegacia Regional de Polícia Civil para adoção das medidas legais.


Fonte: Monólitos Post