Tentativa de assalto a carros-fortes tem tiroteio e reféns em Russas

Foto Whatsapp
Os quatro suspeitos de terem atacado dois veículos blindados, que faziam transporte de valores, na tarde de ontem, na BR-116, altura do Município de Russas, foram presos, na madrugada desta quinta-feira (15). Dois deles estavam feridos a bala e foram encaminhados ao Instituto Doutor José Frota (IJF). Os outros dois já estão nas carceragens da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF).

De acordo com o coronel Soares do Comando Tático Rural (Cotar), que participou da captura, depois de tentar roubar o dinheiro que estava dentro dos veículos, o bando foi surpreendido por uma reação dos vigilantes e fugiu para um matagal.

No trajeto eles teriam invadido um sítio, na divisa dos Municípios de Russas e Palhano, e feito três pessoas que estavam em uma residência de reféns. A Polícia foi até o local e negociou com os criminosos, que decidiram se entregar. “Pediram um advogado e a presença de parentes. Nós chamamos essas pessoas e eles resolveram liberar os reféns e se entregaram”, disse o coronel Soares.

Segundo o oficial, foram encontrados com os suspeitos sete fuzis, 90 bananas de dinamite e duas pistolas. Soares informou que os quatro eram motoristas de caminhões pipa, no Município de Quixadá. Um deles, seria um microempresário, dono dos caminhões, conforme o militar.


Fonte: Diário do Nordeste