Polícia fecha rádios em Ipu e Pires Ferreira e detém 'funcionários'


Ao que tudo indica a justiça está fechando o cerco contra as rádios irregulares na região. Informações colhidas nesta quarta-feira (25/02) na DPC (Delegacia de Polícia Civil) de Ipu, dão conta do fechamento de duas emissoras de rádio, apreensão de seus equipamentos e prisão de duas pessoas; principais "responsáveis" pelo funcionamento ilegal das mesmas.

As rádios que foram alvo dessas incursões judiciais: Rádio Popular FM 99.3 estúdio montado na localidade de Otavilândia, cidade de Pires Ferreira e uma rádio instalada na localidade de Marruás dos Paivas, Ipu-CE. Os donos das respectivas emissoras foram presos e terão que responder as sanções da lei. Conforme apurado as referidas emissoras operavam de maneira ilegal, ferindo os preceitos legais da radiodifusão do Brasil.

A Polícia Civil de Ipu participou da ação, comandada pela Delegacia Regional de Polícia de Tianguá, que tem a frente o delegado Dr Miguel Sales Filho que já foi o titular do Ipu. Como a ação foi toda ela comandada pela Delegacia Regional, as informações ainda estão um pouco imprecisas. Aguardem mais detalhes nesse blog, dessa ação policial ocorrida em Ipu e Pires Ferreira que culminou no fechamento de duas emissoras de rádio e na prisão de duas pessoas.


Repórter Francisco José
Ipu Notícias