METEOROLOGIA: APÓS QUADRA INVERNOSA, CHOVE EM MAIS DE 30 MUNICÍPIOS

Depois da quadra chuvosa abaixo da média histórica pelo quarto ano seguido, o mês de junho registra as primeiras chuvas consideradas razoáveis.
No primeiro mês após a quadra chuvosa, a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou, pela primeira vez, razoáveis precipitações das sete horas da última quarta-feira até sete horas de hoje, inclusive em Fortaleza. Conforme atualização processada às 9h10, choveu em 33 municípios. As três maiores chuvas aconteceram em Trairi, com 50 milímetros; Coreaú, 49 mm e Solonópole, 40 mm.

Na Capital, onde chove nesse instante (9h15), foram 16 mm desde a meia-noite desta quinta-feira.
Conforme a Funceme, "há nuvens sobre o Ceará, que estão associadas à um fenômeno atmosférico denominado Distúrbio Ondulatório de Leste (DOL). Próximo ao litoral cearense observa-se formação de uma linha de instabilidade". Para o restante do dia, "as regiões cearenses deverão permanecer sob a influência de áreas de instabilidade. Portanto, há eventos de chuvas isoladas no centro e norte. No sul, possibilidade de chuva isolada".
Previsão
Para esta sexta-feira, "as regiões cearenses deverão permanecer sob a influência de áreas de instabilidade. Portanto, há possibilidade de chuvas isoladas no centro e norte. No sul, céu parcialmente nublado". No sábado, a Fundação prevê que "áreas de instabilidade deverão permanecer atuando no norte do Ceará. Dessa forma, o céu ficará com nebulosidade variável e com chuvas isoladas no norte cearense. Nas demais regiões, céu parcialmente nublado.
Nove maiores chuvas nas últimas 24 horas

Trairi: 50.0 mm
Coreaú: 49.0 mm
Solonópole: 40.0 mm
Uruoca: 37.0 mm
Viçosa do Ceará: 32.0 mm
Tamboril: 30.0 mm
Granja: 27.0 mm
Meruoca: 27.0 mm
Pentecoste: 25.0 mm

Fonte: Diário do Nordeste