Polícia prende acusado de lesionar mulher grávida em Quixeramobim; Bebê morreu

Com a prisão de Miguel, familiares estão mais aliviados e querem que a Justiça faça sua parte.
A Polícia Civil conseguiu capturar o acusado de lesionar uma mulher grávida na cidade de Quixeramobim. Segundo informações dos inspetores que participaram da operação,Miguel Pereira Rodrigues, 25 anos, estava escondido na casa de parentes na localidade de Jupira, distrito de Manituba, cerca de 15 km da sede do município.

A operação para prender Miguel Rodrigues aconteceu após o Delegado Salviano de Pádua pedir o mandado de prisão preventiva em face do criminoso. “Após o ocorrido nós conseguimos identificar o autor e com seus dados em mãos pedimos a prisão preventiva do acusado. Dessa forma fomos até a localidade de Jupira, onde o mesmo estava escondido.  Nos utilizamos de motocicletas e chegamos lá disfarçados, conseguindo assim efetuar a prisão com êxito”, comentou um dos inspetores que participou da operação. 

Segundo a polícia, após ser preso Miguel disse que estava pensando em se entregar com um advogado. O mesmo foi conduzido para a Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá, onde será ouvido.

Miguel é acusado de lesionar no dia 23 de fevereiro, Ana Paula Benvindo de Sousa, 24 anos, que estava grávida de 8 meses, com quatro golpes de facão, sendo dois nas costas, um no ombro direito e um na orelha direita.

Segundo informações repassadas para o site O Sertão é Notícia as lesões foram tão graves que uma no rosto pegou 28 pontos e uma nas costas pegou 30 pontos. Ana Paula foi transferida para Fortaleza em estado grave, e a criança não resistiu.



Com informações o site O Sertão é Notícia