Últimas Noticias

Pesquise no Blog

Em qual desses nomes você NÃO votaria de jeito nenhum?

9 de agosto de 2016

Caçadores de Pokémon Go ficam trancados em cemitério de Divinópolis


Seis adolescentes ficaram trancados dentro de um cemitério no Centro de Divinópolis na tarde desse domingo (7), enquanto capturavam pokémons. Os adolescentes ficaram no local por cerca de 1h presos até que moradores acionaram o Serviço Municipal de Luto para a abertura dos portões. Nesta segunda-feira (8) o G1 esteve no cemitério e encontrou outros adolescentes com celulares em mãos, caçando os personagens.

De acordo com Ana Rosa Bernardes, de 16 anos, ela estava no local procurando pokémons com o namorado e mais dois adolescentes e, quando foram em direção aos portões, às 18h, eles já estavam fechados. No portão eles também encontraram mais dois adolescentes.

A jovem disse que sabia o horário de funcionamento do cemitério e que ela e o namorado perderam a noção do tempo ao ajudar os dois treinadores novatos.

“Fomos ajudar os dois que tinham acabado de começar o jogo e perdemos a noção do tempo. Eu falei para o meu namorado que o cemitério fechava às 18h, então fomos para entrada nesse horário e já estava fechado. Lá eu encontrei mais duas pessoas que eu nem sabia que estavam lá”, relatou.

Ao G1, Ana disse que o tempo que os adolescentes ficaram trancados no local não foi desperdiçado, ambos aproveitaram o momento para capturar pokémons. “Eu capturei sete enquanto estava presa. Um menininho apareceu no portão e capturou um muito raro e eu nem vi ele. Fiquei chateada [risos]”, contou.

Prefeitura
Em nota, a Prefeitura Municipal informou que o Serviço Municipal do Luto abriu o portão do Cemitério da Paz às 19h para os jovens saírem, após ter sido acionado por moradores. Ainda segundo a Prefeitura, os adolescentes ficaram trancados por terem se distraído e não terem visto a equipe fechando o local às 18h10.


Fonte: G1