Últimas Noticias

Pesquise no Blog

Em qual desses nomes você NÃO votaria de jeito nenhum?

15 de setembro de 2016

AOS 54 ANOS: Morre ator Domingos Montagner após se afogar em rio

Domingos Montagner tinha 54 anos e deixa a mulher, a atriz e produtora Luciana Lima, e três filhos: Leo, 11 anos, Antônio, 7, e Dante, 4
O corpo do ator Domingos Montagner foi encontrado, no fim da tarde desta quinta-feira (15), sem vida, preso às pedras, a 18 metros de profundidade, em Canindé de São Francisco, em Sergipe. De acordo com o jornal Extra, a morte do artista foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros de Sergipe.

O ator desapareu, por volta das 14h30, quando decidiu aproveitar a folga das gravações de "Velho Chico" para dar um mergulho no rio junto com a atriz Camila Pitanga. Natural de São Paulo, Montagner tinha 54 anos e interpretava o personagem Santo. De acordo com um anúncio feito pela TV Globo, o ator gravou cenas da novela pela manhã e, após almoçar, foi mergulhar, mas não voltou à superfície.

A produção foi avisada pela atriz Camila Pitanga e deu início às buscas amparada por helicópteros do Grupamento Tático Aéreo, pela Polícia Militar e pelo Corpo de Bombeiros, além de pescadores da região. A atriz e ribeirinhos que estavam no local prestaram depoimento na delegacia do município.

"Camila Pitanga gritou para avisar o sumiço, mas todos acharam que era uma cena da gravação. Ela estava desesperada, em cima de uma pedra, dizendo que a água o levou. No começo, não dava para entender o que ela dizia, mas depois a gente percebeu que algo ruim tinha acontecido", disse à reportagem Josivânia Maria de Araújo Domingos, proprietária do restaurante Caçoá, situado na praia em que os atores mergulharam.

"Ela ficou muito tempo gritando e entrava no rio a todo momento para tentar encontrá-lo. Até que os bombeiros e uns barcos chegaram, conseguiram acalmá-la e ela saiu da água. Deu para ver o desespero. Ela não conseguia parar de chorar", comentou a proprietária do restaurante.

A região onde o ator desapareceu é conhecida pelas fortes correntezas. A última morte registrada por afogamento em Sergipe foi em maio deste ano, quando uma adolescente morreu após navegar de barco pelo rio São Francisco. Domingos Montagner deixa a mulher, a atriz e produtora Luciana Lima, e três filhos: Leo, 11 anos, Antônio, 7, e Dante, 4.
Essa é a segunda morte em "Velho Chico". Em abril, o ator Umberto Magnani morreu aos 75 anosdevido a um acidente vascular encefálico (AVE).

Magnani interpretava o padre Romão e foi substituído às pressas por Carlos Vereza, que assumiu o posto de padre Benício na trama.

Confira a biografia do ator

O paulistano Domingos Montagner iniciou sua carreira no teatro, através do curso de interpretação de Myriam Muniz, e no Circo Escola Picadeiro conheceu as técnicas e o vocabulário que o conduziram para o circo e a arte popular.
Com Fernando Sampaio, formou em 1997 o Grupo La Mínima, que possui 12 espetáculos em repertório. A Noite dos Palhaços Mudos, de 2008, lhe rendeu o Prêmio Shell de Melhor Ator.

Em 2003, com mais oito artistas, criou o Circo Zanni, do qual é diretor artístico.

Sua estreia na TV aconteceu com o seriado "Mothern", no canal GNT. Na Rede Globo, suas primeiras participações foram no programa "Força Tarefa" e nas séries "A Cura" e "Divã".

Em 2011, atuou em sua primeira novela, "Cordel Encantado", pela qual recebeu os prêmios Contigo e Melhores do Ano (Domingão do Faustão), ambos na categoria Ator Revelação.

Em 2012, protagonizou a minissérie "Brado Retumbante", de Euclydes Marinho, pela qual recebeu o prêmio Contigo na categoria de Melhor Ator de Série/Minissérie.

Também em 2012, o artista atuou na novela "Salve Jorge", de Glória Perez. Estreou no cinema no mesmo ano, com uma participação especial no longa "Gonzaga - de Pai Pra Filho", de Breno Silveira.

Em 2013, o artista foi escalado para a novela das 18h, "Joia Rara", de Thelma Guedes e Duca Rachid.

Em 2015, interpretou Miguel, o protagonista da novela "Sete Vidas", de Lícia Manzo, e em seguida deu vida ao delegado Espinosa na série "Romance Policial - Espinosa”. A adaptação do livro "Uma janela em Copacabana", de Luiz Alfredo Garcia Roza, foi ao ar no canal GNT, com direção geral de José Henrique Fonseca. No mesmo ano, ator participou dos longas-metragens "Vidas Partidas” (Marcos Schechtman), "De Onde te Vejo” (Luiz Villaça) e “O Outro Lado do Vento” (Walter Lima Jr), que entram em cartaz em 2016.

Atualmente, Domingos Montagner estava no elenco de “Velho Chico”, novela de Benedito Ruy Barbosa, com direção de Luiz Fernando Carvalho.

Veja a lista com os principais filmes, novelas e seriados da carreira de Domingos Montagner

TV
“Mothern” (2008)
“Força tarefa” (2010)
“A cura” (2010)
“Divã” (2011)
“Cordel encantado” (2011)
“O brado retumbante” (2012)
“Salve Jorge” (2012)
“Joia rara” (2013)
“Sete vidas” (2015)
“Romance policial – Espinosa” (2015)
“Velho Chico” (2016)
Cinema
“Gonzaga, de pai para filho” (2012)
“A grande vitória” (2014)
“Através da sombra” (2015)
“De onde eu te vejo” (2016)
“Vidas partidas” (2016)
“Um namorado para minha mulher” (2016)



Por Diário do Nordeste/ Folhapress