Galvão Bueno não tem mais vontade de transmitir nenhum jogo neste ano

O principal narrador da TV Globo lamentou a tragédia ocorrida nesta segunda-feira, 29, com a aeronave da delegação da Chapecoense
O narrador Galvão Bueno disse na manhã desta terça-feira, 29, que não tem mais vontade de transmitir nenhum jogo de futebol neste ano. Emocionado, o jornalista acompanhava a cobertura da tragédia com o avião que levava a delegação da Chapecoense para o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana, contra time colombiano Atlético Nacional.

A aeronave transportava 81 pessoas, entre jogadores, dirigentes, jornalista e tripulação. Durante o programa "Encontro", da TV Globo, Galvão falou sobre a tragédia. "A vida deve continuar. Fátima, tenho certeza que participarei do seu programa em momentos mais felizes, mas hoje é dia de orar e pedir a Deus força para os familiares", ressalta o jornalista.

Galvão revelou em sua participação no "Bom Dia Brasil" que já voou em avião do mesmo modelo por diversas vezes. "É um momento terrível ver os nomes chegando, são amigos de uma via inteira", lamenta.

O avião que transportava a delegação da Chapecoense a Medellín sofreu um acidente e caiu na Colômbia na madrugada desta terça-feira, 29.



Redação O POVO Online