Últimas Noticias

Pesquise no Blog

Em qual desses nomes você NÃO votaria de jeito nenhum?

3 de maio de 2017

Quadrilha ataca a cidade de Catunda e explode agência bancária na madrugada

A agência ficou destruída com a explosão dos artefatos nos caixas eletrônicos
Uma quadrilha formada por cerca de 12 homens, fortemente armados, atacou a cidade de Catunda (a 256Km de Fortaleza) no começo da madrugada desta quarta-feira (3) e explodiu os caixas eletrônicos da agência do Banco do Brasil. Este foi o primeiro ataque do mês a bancos no Ceará depois de uma trégua de 31 dias. Os criminosos dispararam dezenas de tiros com armas de diversos calibres e fugiram em vários veículos.

Segundo relatos da população, a explosão dos Caxias aconteceu por volta de 1h20 desta quarta, logo após a cidade ser invadida pelo bando que utilizava um veículo Pajero prata, placas não identificadas, além de várias motocicletas. O bando se dividiu em dois grupos e uma parte foi até a sede do destacamento da Polícia Militar, onde efetuou disparos para conter os policiais.

A outra parte da quadrilha colocou explosivos na bateria de caixas da agência do BB e realizou a detonação. A explosão pode ser ouvida a vários quilômetros de distância do Centro da cidade, de acordo com moradores.

No local do crime, foram recolhidas várias cápsulas de pistolas e fuzis, além de balotes de escopetas de calibre 12. O material deverá ser entregue à Perícia Forense do Ceará (Pefoce).

A Polícia Militar foi mobilizada na região e neste momento estão sendo feitas barreiras e diligências com os efetivos de cidades vizinhas como Tamboril, Nova Russas, Santa Quitéria e Monsenhor Tabosa, além da Força Tática de Apoio do 7º BPM (Crateús).

Bandidos mortos

O penúltimo ataque armado contra bancos no Ceará aconteceu na madrugada do dia 1º de abril na cidade de Jaguaruana (a 183Km de Fortaleza), quando uma quadrilha invadiu a cidade em vários veículos e com diversas armas, incluindo fuzis e submetralhadoras. No entanto, a Polícia já tinha informes sobre a intenção do grupo e montou uma “campana”.

Os assaltantes, então, foram surpreendidos pela PM. Houve uma intensa troca de tiros entre a quadrilha e policiais do Comando Tático Rural (Cotar), do batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), resultando na morte de seis integrantes do bando. Outros quatro foram capturados. Uma sétima pessoa morreu supostamente atingida por bala perdida na hora do confronto nas ruas de Jaguaruana.



Fernando Ribeiro
Ceará News7