Saúde

header ads

CADEIAS DE IBIAPINA E VIÇOSA SÃO DESATIVADAS E PRESOS SÃO TRANSFERIDOS


Após diversas fugas registradas e sem nenhuma estrutura de funcionamento, as Cadeias Públicas de Ibiapina e Viçosa do Ceará foram desativadas na tarde deste sábado (12). 

A ação faz parte de uma série de medidas para enfraquecimento e neutralização das facções criminosas, que há dias estão promovendo uma série de ataques em todo o Estado. 

Todos os 43 detentos da Cadeia de Ibiapina e 46 da Cadeia de Viçosa foram transferidos para outras unidades prisionais. O destino dos encarcerados não foi informado por questões de segurança.
As celas da Cadeia Pública de Viçosa ficar vazias.
O trabalho dos agentes foi auxiliado pelos Policiais do Destacamento local, sob o Comando do Tenente Antônio Marcos



O processo de desativação das cadeias públicas já havia sido iniciado no ano passado, mas foi intensificado neste mês com a chegada do Secretário Estadual de Administração Penitenciária, Luís Mauro Albuquerque e a nova política prisional do Estado. 

De acordo com o Secretário, várias unidades do interior estão sendo fechadas por questão de segurança, uma vez que não possuem estrutura de cadeia. 

"Elas não oferecem segurança para o agente trabalhar, não oferecem segurança para o preso estar lá e não oferecem segurança para a população que vive ao redor". 

A Cadeia de Ibiapina foi projetada para comportar 25 internos, mas atualmente abrigava quase o dobro de capacidade. 

Abaixo o vídeo mostra como ficou as celas da Cadeia de Viçosa após a desativação.

Fonte: Ibiapaba 24 horas/O Povo