X
Aplicativo MCB Em Questão

Grátis - Na Play Store

O Melhor e mais completo portal de notícias da cidade!

Iguatu-CE: Homem furta salgados para alimentar mulher e um filho de um ano; caso comove delegado

Homem furtou salgados e massa de pastel

Um homem desempregado foi preso por furtar de um estabelecimento comercial de Iguatu cerca de 25 salgados e um pacote de massa de pastel. Conduzido à Delegacia Regional de Polícia Civil de Iguatu, o suspeito contou que praticou o furto para alimentar a esposa e um filho de apenas um ano e um mês.

Policiais militares decidiram ir à casa do suspeito para verificar se a justificativa apresentada por ele era verdadeira. “Os policiais só encontraram água, a esposa e uma criança e uma situação muito crítica”, confirmou o delegado Gláuber Ferreira.

Autor do furto e esposa recebem em casa doação de cesta básica feita por policiais. Fotos divulgação da DRPC de Iguatu


De imediato, policiais militares e civis de Iguatu se reuniram e fizeram uma “vaquinha” e doaram uma cesta básica para a família do homem que furtou os salgados, mas que não teve o nome divulgado pela Polícia.O caso ocorreu na última terça-feira, 23, e comoveu policiais militares, civis, o delegado e uma empresa local.

O delegado observou que o autor do furto não possuía passagens pela Polícia. Na delegacia, o suspeito reafirmou que está sem trabalhar há duas semanas. “Não estou certo, o que fiz foi errado, mas foi um ato de desespero, nunca imaginei passar por isto e agradeço aos policiais que estão me ajudando”, disse.
Princípio da insignificância

Glauber Ferreira afirmou que no caso aplicou o princípio da insignificância levando-se em conta o valor do bem furtado e o princípio da dignidade da pessoa humana. “Diante da situação, decidimos aplicar o princípio da insignificância e tentar ajudar este rapaz”, declarou o delegado. Policiais militares também participaram da ação que obteve ampla repercussão positiva nas redes sociais.

Um grupo empresarial local anunciou que sensibilizado com a situação do jovem realizou ação de recolher gêneros alimentícios com outras pessoas amigas e parceiras para doar cesta básica e ainda dar uma oportunidade de emprego.



Por Honório Barbosa
Diário Centro Sul