Saúde

header ads

Irmãos são mortos a tiros e mãe é baleada em Maranguape; nenhum dos três era alvo dos atiradores



Durante a ação criminosa, a mãe das vítimas, Liliane Paulino Barbosa, conhecida como Tuca, também foi baleada por homens que chegaram em um carro e em uma moto. Ela foi levada ao Instituto Doutor José Frota (IJF) e está internada em estado grave. Segundo a polícia, ela deixou o presídio recentemente, onde cumpria pena por tráfico de drogas.

Irmãos e mãe foram atingidos pelos disparos, no entanto, nenhum dos três era o alvo dos suspeitos. De acordo com uma fonte da Polícia Civil em Maranguape, os criminosos estavam à procura do companheiro de Tuca, apontado pela polícia como o chefe da organização criminosa Guardiões do Estado (GDE) no Amanari. Como ele não foi encontrado, a companheira e enteados foram baleados pelos criminosos. 

Ainda não há informações sobre a idade exata das vítimas, como foram surpreendidas durante a ação ou mesmo sobre o paradeiro do suposto líder da facção. Nenhum dos suspeitos foi localizado e/ou preso até a publicação desta matéria. 

Diário do Nordeste

Postar um comentário

0 Comentários